Dias
Horas
Minutos

Onde?

Reitoria da Universidade NOVA de Lisboa
Rua Campus de Campolide, Lisboa, 1099-032 LISBOA

Acesso e Estacionamento: Cancelas de acesso ao Campus na Travessa Estêvão Pinto e na Rua da Mesquita

"Caros velejadores,

O Congresso da Vela realiza-se já no próximo dia 15 de Outubro!

Escolhi para este Congresso um formato diferente, mais virado para fora. E fi-lo porque entendo ser fundamental partilhar com a sociedade em geral, e com as instituições que connosco interagem, por serem relevantes para o futuro da vela em Portugal, o que queremos fazer, os nossos planos, a nossa estratégia, e os valores que defendemos.

Porque precisamos de “mostrar” a dimensão deste nosso desporto em Portugal, conto desde já com a presença de todos. A vela precisa!

Até lá,
Mário Quina
Presidente da Federação Portuguesa de Vela"

Lista de premiados Gala dos Campeões

Conhecer o Programa

Durante a manhã, terão lugar várias intervenções individuais e, na parte da tarde, serão apresentadas e debatidas conclusões de grupos de trabalho sobre vários temas relevantes no panorama nacional da vela e serão dinamizados vários workshops.

À noite, terá lugar a “Gala dos Campeões”, que conta com um jantar volante e entrega de prémios aos velejadores homenageados – Custo de 25€ por participante.

Inscrição

Para a participação no Congresso é necessário preencher o formulário abaixo.

Nota: As inscrições para a Gala dos Campeões só serão válidas quando for recebido o respetivo pagamento.

Dados de Pagamento

Nota: a inscrição na parte da manhã e da tarde do congresso é gratuita, apenas o Jantar + Gala dos Campeões tem um custo de 25€/participante. Caso não se tenha inscrito no jantar, não necessita preencher a informação abaixo

IBAN para pagamento:
NOVO BANCO - PT50 0007 0013 0039 7650 0025 7


Pagamento por MBWay:
Número: 910 728 381

Caso não consiga anexar o comprovativo, pode também enviar para [email protected]
"Caros velejadores,

O Congresso da Vela realiza-se já no próximo dia 15 de Outubro!

Escolhi para este Congresso um formato diferente, mais virado para fora. E fi-lo porque entendo ser fundamental partilhar com a sociedade em geral, e com as instituições que connosco interagem, por serem relevantes para o futuro da vela em Portugal, o que queremos fazer, os nossos planos, a nossa estratégia, e os valores que defendemos.

O Congresso terá, da parte da manhã, um formato mais institucional. Aí falarei sobre a estratégia que temos para a Federação, e convidei para intervirem diversas personalidades e instituições com responsabilidades no enquadramento do desporto em Portugal, que nos podem ajudar a pensar melhor o nosso futuro.

Haverá ainda espaço para as vossas perguntas.

A tarde visa os velejadores em geral, bem como as nossas instituições da vela.

No âmbito do Congresso vão ser constituídos alguns grupos de trabalho, que se dedicarão a debater temas que nos preocupam, como sejam a federação dos nossos velejadores, o desporto escolar como uma porta de entrada na modalidade, ou a articulação entre os programas de formação competitiva dos Clubes e os da Federação.

As conclusões destas iniciativas serão apresentadas e discutidas.

Estamos ainda a preparar três “workshops” virados para os velejadores, com temas que são seguramente de interesse para todos nós:
1) Como “ganhar” um protesto, com a participação do Ken Gamito,
2) Como otimizar um “rating”, com a participação do Pedro Pires de Lima,
3) Como ganhar uma regata, um debate com a participação do Hugo Rocha, do Vasco Serpa e do João Rodrigues, moderados pelo Luís Rocha, o nosso Diretor Técnico nacional.

No final do dia decorrerá a Gala dos Campeões que inclui um jantar, e a distribuição de prémios aos Campeões da Vela do ano desportivo que agora terminou.

Apesar do formato que adotámos ser substancialmente diferente de organizações anteriores, não faltam razões de interesse para justificar a vossa participação no Congresso, que é gratuita e espero massiva e no jantar da Gala dos Campeões que tem um custo de €25,00.

Por todas estas razões, e porque precisamos de “mostrar” a dimensão deste nosso desporto em Portugal, conto desde já com a presença de todos. A vela precisa!"

Até lá,
Mário Quina
Presidente da Federação Portuguesa de Vela